cead20136

sábado, 20 de agosto de 2016

Baleia Franca


A Baleia Franca (Eubalaena australis) é um mamífero marinho pertence a ordem dos cetáceos e subordem dos misticetos, sendo incluída na família Balaenidae.
Baleia Franca
Baleia Franca
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Cetacea
Subordem: Mysticeti
Família: Balenidae
Espécie: Eubalaena australis

O nome desta baleia na língua inglesa é “Southern right whale”, que não possui um termo traduzido específicamente, porém a origem do nome em inglês significa que estas eram as baleias ”certas” para a caça, por serem animais de grande porte e possuir movimento muito lento, além de boiarem quando mortas. Esta baleia é muita fácil de ser identificada, pois possui coloração negra e em sua cabeça apresentar calosidades. O corpo é robusto e a cabeça é muito larga. As baleias francas não possuem uma nadadeira dorsal em evidência, em geral as nadadeiras dorsais são pequenas e amplas e os orifícios (1 par de orifícios) respiratórios tem formato de ”V”.

As baleias francas possuem sua distribuição apenas no hemisfério sul, diferente de sua prima do hemisfério norte (Eubalaena glacialis).

São incríveis animais migratórios, sendo que no período de verão nas regiões polares vão servir como áreas de alimentação e quando ocorrer o processo reprodutivo, realizam migrações das regiões polares para regiões mais favoráveis, como ocorre com as baleias francas que realizam migração da Antártica para o litoral catarinense, podendo ser avistadas em diversas cidades nos meses de julho a novembro no sul de Santa Catarina.

Mapa de distribuição da Eubalena australis.

Os animais machos adultos podem alcançar cerca de 12.5 metros a 15.5 metros de comprimento de corpo e ter até 60 toneladas, sendo que as fêmeas adultas vão apresentar comprimento de corpo maior do que o dos machos. Os filhotes ao nascer podem ter de 4 a 4.5 metros de comprimento.

O hábito alimentar desta espécie consiste de organismos do zooplâncton, como copépodes e krill principalmente, podendo se alimentar de pequenos peixes. As baleias francas como as outras baleias da subordem dos misticetos se alimentam através da filtração, pois invés de dentes, estas possuem cerdas que ajudam na filtração dos organismos na coluna de água. Quando estão em movimentos abrem a boca e filtram os organismos.

Estudos sugerem que para esta baleia existe quatro categorias de habitat:

* Área de alimentação: áreas na qual possuem grandes densidades de alimento
* Calvin: usadas de maneira rotineira para cuidados de filhotes
* Nursey: são agregações de áreas na qual as fêmeas utilizam-na para a alimentação
* Breeding: áreas nas quais são utilizadas para os processos de cópula.

Em geral a alimentação das baleias francas ocorre em locais de alta latitudes onde a produção primária é grande, o que posteriormente irá gerar grandes densidades de produção secundária, que é o alimento dessas baleias.

Estudos de estimativa populacional para esta espécie de baleia sugerem que a população original destas baleias no mundo era de 60.000 animais. Porém estudos recentes realizados, demonstraram que atualmente esta população é de cerca de 7.000 animais.

Leia também:

* Projeto Baleia Franca

Referência
http://www.nmfs.noaa.gov/pr/species/mammals/cetaceans/rightwhale_southern.htm
http://www.baleiafranca.org.br
http://www.almediam.org/NOTICIAS%20ALMEDIAM%202008/Noticias_4459.htm
http://www.arkive.org/southern-right-whale/eubalaena-australis/info.html#reference_2
http://en.wikipedia.org/wiki/Balaenidae

Nenhum comentário:

Postar um comentário